Poesias

Carta

Ione Grillo


Carta
Trazia marcas vincadas
Dobras pelo tempo marcadas
Letras recheadas de tristeza
Ainda assim de grande beleza
Arte de um desenhista
Que faz poesia com a caligrafia
Os parágrafos esculturas
De um grande ceramista
No olhar em agonia
As lembranças
Dos tempos da criança
Que não conhecia a arte de escrever
Ou mesmo de ler
Trazia nos olhos a ternura
Nas mãos as brincadeiras
De inventar o futuro
Esse futuro cheio de passado
Agora dobrado
Em uma carta
Dobrada pelo tempo
E assim, de quando em quando
Olhos suados
Embaçado pelo passado
Na poesia da caligrafia
Faz de conta que lê
As palavras escondidas
Nos vincos marcados
Na carta do tempo



Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "324712" no campo.