Poesias

Tropeços

Ione Grillo



a luz bate na porta e abre o espaço
o espelho, cego, tropeça no silêncio
a música estende o braço
e os reflexos caem no próprio laço.


Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "004704" no campo.